top of page

Pesquisa

Criação

Artística

Projeto de criação-ação, composto por residências, oficinas e ações culturais bilaterais entre a
França e o Brasil.

TEXTURA PAPEL + PADRAO 1FEED.png

Objetivo:
Investigar as relações entre corpo, tempo e espaço dentro das encruzilhadas

Este projeto faz parte de uma abordagem artística que pretende ser nova e original na forma como apresenta as diretrizes da linguagem corporal e sonora, ligando públicos de dois continentes e as populações que compartilham, de forma indireta, experimental e acessível, a expressão coreográfica do corpo atravessado. 

Olhando para o passado para mirar no futuro, focando no período colonial, signos corporais, sonoros e culturais foram trans-criados para modificar os modos e estruturas dos corpos africanos e originários que, muitas vezes desterritorializados, foram apresentados a uma nova visão cultural, hegemônica e hierárquica perdendo sua alteridade e misturando sua coreografia.

A residência busca olhar o corpo como fonte de memória ancoradas pois não necessariamente sua forma é conduzida pela inscrição discursiva, conforme explica a professora Leda Maria Martins em seu livro Performances do tempo espiralar - Poéticas do corpo tela. Assim, passam a ser percebidas nas composições nele feitas, um culto que tem como eixo a ancestralidade - um lugar de transmissão e conceito fundador que retém todas as práticas sociais de apreensão do sujeito e do cosmos. (L. Martins, 2021). 

DOS CONCEITOS À CRIAÇÃO E PRÁTICA ARTÍSTICA

Com o cruzamento das linguagens do teatro, da dança e da ópera (música), o projeto pesquisa memórias transmitidas não só pela oralidade, mas também pelo corpo e suas experiências nos dois territórios:

Brasil e França.  

Brasil
Residência na Fundação Nacional de Artes (FUNARTE Brasil) e Aliança Francesa em São Paulo e Rio de Janeiro.
TEXTURA PAPEL + PADRAO 1FEED.png

Corpos encruzilhados em seus diversos aspectos: ancestrais, de linguagem e de vontades, traçam laços franco-brasileiros que seriam construídos a partir dos pontos de encruzilhada sócio-culturais que podem ser revividos a partir das suas gestualidades e narrativas que se cruzam.

bottom of page